Sempre o mesmo rosto

Hoje te vi em todo rosto que encontrei pela rua, na praça de alimentação, no ônibus, no uber. E ao contrário das outras vezes, hoje permaneci calma, meu coração não palpitou como o de costume ( acho que isso é bom). Mas lembrar de você toda hora me incomoda, não ter ninguém para ocupar seu lugar, me incomoda, não seguir em frente e estar sempre estática me incomoda e saber que você já seguiu em frente tantas vezes me faz perguntar a mim mesma: ” Qual o meu problema? “, ” Porque não acontece comigo?”, ” Porque só eu não tenho ninguém por mim?” Sério, queria saber qual é o meu problema, pois, assim, talvez poderia resolvê-lo e ser feliz daqui para frente. Se for verdade que um amor só se cura com outro, eu estou ferrada, vou ter que me acostumar a te enxergar sempre, mas não me entenda mal, isso não é uma recaída, é só uma vontade louca de viver um grande amor novamente.
Nalu 💋

Amizade colorida: Sim, não ou talvez?

Saudades define o que eu estava sentindo longe dessa casinha, que aguenta desabafos e que guarda sentimentos e opiniões, e claro saudade de quem acompanha essa caixinha de emoções e que é gente como a gente e não tem vergonha de demonstrar o interior! Enfim, a ausência existe mas ela não é permanente, uma hora a saudade chega, decide ficar e rouba todo o espaço dessa ausência! E por isso que voltei! E com o assunto mais confuso do mundo… mas que traz consigo um sorriso no rosto e um frio na barriga! Bora lá?

download

Não, eu não vou criar um conto de fadas que todo mundo se dá bem, se casa e tem 2 filhos, então se você veio até aqui esperando ler um romance igual em filmes, acredito que terá uma grande decepção.Não vou criticar amizades coloridas, não vou falar sobre o quanto isso dá errado e muito menos ter conversas clichês, apenas irei expor minha opinião sobre tal. É óbvio que TODO mundo já teve um relacionamento com amigos, melhores amigos e se não teve já imaginou ou até tem essa ideia no subconsciente, pensando nisso e até passando por isso resolvi escrevi sobre o assunto.

É importante saber:

  1. Amizade colorida é apenas uma forma de apelidar: “somos amigos que ficam ÀS VEZES”.
  2. Amizade colorida é apenas pra matar o desejo carnal, não romantize isso, do contrário, se tornará namoro.
  3. A partir do momento que você for entrar em uma amizade purpurinada não deve esquecer que isso pode dar MUITO ERRADO ou MUITO CERTO, o destino há de escolher.
  4. Não caia em conversas de que isso não funciona, pensamentos são diferentes, histórias são diferentes, momentos são diferentes.
  5. É importante manter o mesmo comportamento antes ou depois dessa amizade, pelo menos da sua parte, tanto essa ideia funcionará melhor quanto você terá plena consciência de que a sua parte você fez.
  6. Converse, o diálogo deve deixar tudo transparente e as ideias devem ser parecidas para que assim tenha um bom resultado. Isso é necessário para um não se apaixonar enquanto o outro só quer se divertir.
  7. Aprenda que, isso deve existir para ser algo bom pra viver, se ficar tenso, desgastante e muito complicado tá errado e é melhor revisar se fazer isso será bom para os dois.
  8. A partir do momento que o “ficar” se torna semanal, diário ou constante, se torna um relacionamento e acaba a ideia de amizade colorida.
  9. Trate como algo natural, e por quê não?
  10. Sem marcar nada, espontaneidade, na hora certa vai acontecendo.

Para saber um pouco mais sobre o assunto o escritor Frederico Elboni fala de forma bem humorada e sensata sobre isso.

Não é que amizades coloridas não funcionam, é que uns sabem lidar e outros se bagunçam em sentimentos. O problema é que as pessoas têm mania de romantizar tudo, e porque não viver algo diferente? Se deu certo comigo? Se deu certo com você? Se deu certo com alguém? Minha opinião não vai mudar! Existe sim, é bom sim! A amizade só muda quando o nível de maturidade de uma das duas partes é pequeno. Você quer? Vá em frente… sem joguinhos… apenas viva e esqueça o que uns pensam e outros vivem!

Espero que vivam uma boa amizade colorida!

Beijos!❤

Isa🎀

Páginas de um livro imaginário

Hoje ela passou o dia inquieta, pulou de um lado para o outro, tentou pintar um quadro com seus gizes de cera, mais eles já estão gastos e pequenos demais para caberem em suas mãos, tentou tocar seu teclado velho, mais não conseguia se inspirar, até pegou seu violão, mais lembrou que não sabe tocar, talvez não fosse uma boa idéia ter abandonado as aulas. E então o que ela mais fugia veio até ela, a seu único recurso foi necessário ser recorrido, melancólicas palavras vomitadas no papel. Mais hoje ela não quer ficar triste, porque já basta na noite passada. Ontem ela apelou pra suas raízes, virou a noite em claro e a lua estava bela, ela acha que teve um daqueles momentos, como recomeços das fases da Lua, ela sempre volta a fase inicial, e por mais que ela fuja, não consegue admitir que adora seus momentos com a Lua. Seu cabelo está bagunçado, o rímel borrado de tanto aos prantos estar, e um cigarro aceso nas mãos há de ter, a dor que é causada em sua barriga provocada pelo peso de seu corpo que está perante o parapeito da janela já não lhe incomoda mais, à ela ja virou costume, rotina parar na janela durante o luar. Ele sempre a acompanha, mesmo não entendendo a confusão Nos Olhos Teus, que são negros como o fundo do mar, indecifráveis. Ela sente, ele lhe observa, observa o rosto dela metade dominado pela sombra, e outra parte iluminado pelo abajur amarelo. Ele engole a seco, troca o peso de perna, hesita antes de falar, ele tem tanta coisa a declarar, e ela não sabe como é difícil, mais as palavras lhe fogem. Ela joga seu cigarro fora, ele percebe sua tensão. Ela sabe muito bem o que se passa na cabeça dele, desta vez não há muito o que falar, uma lágrima escorre de seus olhos, ela a contém antes que chegue no queixo, e finalmente encosta os lábios sobre os dele, tomando posse de sua boca. Ele então entende que ela sempre soube de tudo, e que mesmo antes de ele lhe falar as coisas belas e ruins ela sabia, ela só não sabia que ele lhe superaria suas expectativas, ambas as partes se surpreenderam. Ele nunca teve tanta certeza na vida. As luzes da cidade se apagam por inteiro, e só lhe restam as estrelas, belas estrelas. Ele a abraça e ela sabe que precisa dele, seu cheiro vicia, seu suor é salgado. Ela sabe que precisa dele, e ele não vive sem ela.

Texto escrito por nossa linda leitora, Layla Naue🌻 (insta: laylakimberly).

Shadowhunters

Olá lindos !! Tudo bem com vocês ? Hoje vim falar sobre uma série maravilhosa e perfeita para quem não gosta de enrolação, pois ela tem somente 13 episódios, é bem rápida, tão boa que dá para maratonar sem ver o tempo passar. Vamos lá ?!

shadowhunters.jpg

Shadowhunters é uma série original netflix, com apenas uma temporada, estreiou em 2016 e foi renovada para janeiro de 2017, com uma mistura de drama, ação e fantasia, essa série conquistou o coração de todos e sua crítica no mundo televisivo é ótima. Essa série de fantasia é baseada em The Mortal Instruments, uma série literária, por Cassandra Clare.

Shadowhunters  conta a história de uma adolescente que, sem querer, presencia um crime, mas o que ela não esperava era que tal fato mudasse tanto sua vida, após o ocorrido, tudo fica muito estranho na vida dessa adolescente, até que, um dia, sua casa é atacada e sequestram sua mãe, então, a jovem procura, atordoada e perdida, por ajuda de um grupo de justiceiros. A partir daí, o objetivo da adolescente é salvar a mãe e compreender seu passado, pode-se esperar muitas reviravoltas, lutas, mistérios e romance.

CríticaAconteceram algumas coisas que eu não gostei no decorrer da trama, mas como nem tudo são flores, continuei assistindo e me surpreendi, é uma série muito boa, que consegue prender nossa atenção, adorei o final pois me causou muita surpresa, não dá para imaginar o rumo que os acontecimentos tomaram, então, sugiro a vocês que assistam porque não vão se arrepender. P.S: Há grandes possibilidades dessa série entrar para a minha lista de séries preferidas. 😍

E vocês ? Já assistiram ? Ficaram curiosos ? Vão assistir ? Assim como eu, estão ansiosos para a próxima temporada ? Me conta nos comentários !! Espero que gostem. 

Beijos!❤

Nalu 💋

A persistência do Adeus

tumblr_static_c8hx21lidf4sssw0kso484cwg

Ainda tá tão bagunçado não é? Será que é por isso que a dor aumenta? A despedida é algo que corrói, já sinto antes de dizer adeus… Sei que não é uma escolha, mas é que nunca irei superar ficar longe desse teu abraço e desse seu cabelo castanho todo desajeitado que me encanta sem eu saber o porquê. Lembra daquela noite? Foi tudo tão especial… eu juro que podia escutar o seu coração acelerado e sentir cada batida quando ele pulsava enquanto você me tocava com cuidado, segurava minha mão e dizia que isso era é só uma fase, que um dia tudo isso ia passar, e que no final estaríamos naquele mesmo lugar, escuro, coberto de estrelas, deitados numa rede, debaixo de um cobertor, fazendo mais planos… e por alguns segundos você me fez esquecer que em poucos dias tudo se tornará mais difícil quando eu olhar para o lado e não conseguir enxergar minhas mãos entrelaçadas com a sua ou quando tiver que esperar pelos nossos beijos e nossos carinhos. Eu não vou superar, e pode apostar que terá dias que eu não serei compreensiva, mas me explica quem consegue ser compreensivo quando o motivo de ter calma está a quilômetros de distância? Eu preciso e quero tentar, quantas vezes for preciso, e se der errado a gente esquece tudo, passa uma borracha e recomeça uma, duas ou três vezes. Os meus sentimentos estão intensos e eu já nem sei mais dizer o que está acontecendo com o meu coração, quem sabe você saiba? Então vem me ver, preciso que você tire o cabelo do meu rosto, acaricie as minhas bochechas e diga pela última vez “tá tudo bem, eu tô aqui”. Só mais uma coisa? Quando você for… Não me deixa esquecer que ainda existe uma parte de você bem aqui, dentro de mim.

Isa🎀

Frases que toda pessoa iludida já disse

Ooi lindos e lindas ❤ Tudo bem com vocês? Estamos no final de semana, tempo bom pra ver filme, falar com o crush, ficar numa bad… Enfim, o post de hoje é sobre frases que toda pessoa iludida já disse, sejam desilusões amorosas, financeiras ou até desilusões com a vida kkkkk  Vamos conferir?

iludida

  1. “Amiga, eu acho que ele tá gostando de mim.”

Não amiga, provavelmente ele ainda não está gostando de você! Pode ser mais uma paranóia da sua cabeça, afinal, nem sempre o que você sente é recíproco.

      2. “Esse ano, vai ser o meu ano!”

Quanta ilusão  kkkkkk No ano novo é sempre assim, todos cheios de esperança, mas quando tá na metade do ano, tudo o que conseguimos pensar é : Eitaaa…

      3.”Eu vou ir super bem nessa prova….”

Sabe aquela prova que você estudou mas não sentiu firmeza? Pois é kkkkk Você tenta se reconfortar dizendo a si mesmo que vai ficar tudo bem, mas aí você pega a prova e percebe que não vai ser bem assim kkkkk

      4.” Agora vai, é dessa vez que eu desencalho!”

kakakaka Não foi dessa vez… Nós criamos expectativas, nos imaginamos em um futuro com a outra pessoa, mas aí… Tudo acaba ( choremos kkkk)

      5.”Ele disse que me ama! Deve ser verdade!”

Infelizmente, nem sempre é verdade… As pessoas fazem de um ” eu te amo” algo muito comum, então, nem crie tantas expectativas kkkkk.

      6.”Dessa vez eu vou ganhar!”

Seja um jogo, uma aposta, uma brincadeira, até um sorteio! Você nunca ganha kkkkk mas como a esperança é a última que morre você insiste em acreditar que sua hora vai chegar kkkkk

Bom pessoal, é isso. O post foi bem curtinho e é só uma brincadeira em kkkkk Você também faz parte do time dos iludidos? Se identificou? Me contem nos comentários!!

Beijos

Ju💅🏻

Filme e livro: A última música 

Oooooolááá galerinhaaaaa!!! Hoje vou falar de um filme e um livro SUPER legal❤️ muito emocionanteee e muito muito muito lindo… Se você não conhece, por favor, venha se emocionar com a gente e chorar horrores.
Com a atuação de Miley Cyrus e Liam Hemsworth e escrito por Nicholas Sparks, o livro e o filme “A última música” simplesmente surpreendeu muitas pessoas, e emocionou muitos jovens. Ronnie, interpretada por Miley Cyrus, é uma adolescente revoltada desde a separação dos pais. Depois de ser pega roubando em uma loja, sua mãe resolve levar Ronnie e seu irmão Jonah para passar o verão com seu pai (Greg), o qual Ronnie guarda grandes mágoas depois da separação.

Greg, ex professor de piano da admirável faculdade Julliard, ensinou Ronnie a tocar piano, mas depois do término dos pais ela perde o contato não só com o pai como também com a música.

Inicialmente, nas férias de verão, Ronnie se mantém afastada e deixa a frieza prevalecer na relação com o pai, enquanto Jonah ajuda Greg no concerto dos vitrais da igreja. A partir daí muitas coisas acontecem, amizades surgem e desabam, relacionamentos são criados e a família se une cada vez mais, e muita coisa que ninguém imagina está por vir.

Crítica: É lindo… Pode fazer você se apaixonar pelo romance e chorar muito nas cenas comoventes, o lado ruim é que poderia ter a continuação, a parte dois, seria bem bacana e criativo, além de poder ajudar quem passa por essas situações a lidar com isso tudo.

E aí? Já viu? Não é demais?

Beijos!❤️

Isa🎀